Uma senhora de 83 anos, identificada como Célia Vieira Barbosa, tem vivido dias de muito sofrimento. Célia deu entrada no Hospital Costa do Cacau, em Ilhéus, após fraturar o fêmur.

Segundo relato da neta, Célia está há 15 dias agonizando com dores fortes à espera de uma cirurgia. A família ainda afirmou que Célia é portadora de diabetes e hipertensão e está com arritmia cardíaca. Como pedido de socorro, familiares pedem ajuda para que uma providência seja tomada com urgência.

A cirurgia da idosa ainda chegou a ser marcada na semana passada, mas foi cancelada minutos antes, quando o hospital informou que não tinha vaga na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Até então, o procedimento não foi mais remarcado, sob a justificativa de falta de material cirúrgico.

Além da fratura no fêmur, os médicos desconfiam que a idosa também esteja com trombose. Em idade avançada e sem se movimentar por dias, Célia está com um grande inchaço nas pernas. A família contou que o médico que acompanha a idosa já solicitou um exame. A cirurgia só será permitida caso a suspeita de trombose seja descartada.

Não tem sido fácil para a família assistir ao sofrimento de dona Célia. A senhora, que faz 84 anos no próximo dia 30, fez um pedido a Deus de partir o coração. “Eu estou com muita dor, meu Deus! Eu quero que o Senhor me leve logo, pelo amor de Deus. Me leve e acabe com esse sofrimento”, disse.

A neta de Célia contou que a família fez denúncia junto ao hospital e à assistência social. “É um sofrimento pra todo mundo e a gente só queria que resolvesse”, desabafou.