Renatinho e o pai o advogado criminalista Geerdshon Ribeiro

 

Na noite do último domingo, 20, um rapaz identificado como Renato Erudilho Suzart foi morto à tiros na passarela do álcool em Ilhéus. Apelidado por Renatinho, é filho do Advogado criminalista Geerdshon Ribeiro da Silva, conhecido como Cobrinha, e de Eliane Duarte Suzart, funcionária da defensoria pública de Ilhéus.
Renato, de 36 anos, estava no “Bar Miache”  acompanhado da namorada e de um amigo, quando dois rapazes encapuzados chegaram ao local e efetuaram os disparos contra a vítima, que foi alvejado com três tiros, segundo informações da polícia.

Renatinho e a mãe Eliane Duarte