Uma recém-nascida foi encontrada dentro de um saco de lixo no bairro Alecrim 2, em Eunápolis, cidade do extremo sul da Bahia, na noite de sexta-feira (19).

De acordo com a Polícia Militar, a guarnição ficou ciente do caso após ser acionada por uma equipe do serviço público de limpeza urbana de que teria sido encontrada uma criança dentro de um saco de lixo.

A equipe da prefeitura que trabalhava na coleta de lixo localizou o bebê e ficou surpresa com a ocorrência. O bebê ainda estava com a placenta e cordão umbilical quando foi vista.

Segundo o agente de limpeza do Município, Paulo Marques, que trabalhava quando encontrou o bebê, é comum encontrar animais vivos descartados no lixo, mas causou espanto encontrar um recém-nascido.

“Fomos fazer uma coleta de lixo e na reta final do nosso trecho, no Alecrim 2, e ouvimos um barulho dentro de uma sacola. É normal a gente encontrar gato dentro de caixas porque o pessoal não quer e joga fora e quando a gente encontra, a gente pega e põe do lado. Abrimos para verificar e tinha um bebê dentro. Chamamos o Samu, a polícia, pra fazer os primeiros socorros. Graças a Deus a moça do bar ajudou e doou uma manta. Faz 11 anos que trabalho na prefeitura e nunca presenciei uma coisa dessa. Mas Deus está no comando”, disse um dos trabalhadores que encontrou o bebê.

A recém-nascida estava com hipotermia e foi atendida pela equipe média que chegou ao local. Os socorristas prestaram atendimento ao bebê e encaminharam pra o Hospital Regional de Eunápolis.

De acordo com o hospital, a criança foi medicada, passa bem e ficará mais alguns dias em observação. Ainda não há informações sobre quem teria a deixado no local.