Jovem suspeito de participação na morte de PM morre em confronto com policiais no sul da Bahia

Um jovem de 21 anos suspeito de participação na morte do policial militar Adir Pires Fontes de Oliveira morreu em confronto com policiais da Cipe Cacaueira, nesta quarta-feira (25), em Ilhéus.

Segundo informações da Polícia Civil, o confronto aconteceu após uma tentativa de abordagem do suspeito, identificado como Igor Nascimento Giovita, na localidade de Lagoa Encantada, na zona norte da cidade.

A polícia informou que o jovem chegou a ser levado para uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos.

Morte de PM

O policial Adir Oliveira foi morto a tiros no dia 1° de agosto, ao sair de um bar. Adir era lotado na 68ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), em Ilhéus, e estava na corporação desde 2008.

Segundo a Polícia Civil, o agente estava de folga e não era o alvo dos bandidos, que procuravam por outro homem, suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas e estava no mesmo local. Contudo, ao perceberem que Adir era policial, os suspeitos dispararam contra ele e fugiram logo em seguida.

Adir morreu no local. Não há informações se a pessoa que era procurada pelos rivais foi baleada. Ainda segundo a Polícia Civil, o crime foi motivado por disputa entre facções criminosas.

O caso foi registrado pela Delegacia de Ilhéus, que apura o homicídio e mantém buscas pelos suspeitos.