O prazo para o eleitor solicitar a segunda via do título no cartório eleitoral da zona onde está cadastrado, termina nesta quinta-feira (5).

Para a emissão da segunda via do título, o eleitor deve estar quite com a Justiça Eleitoral, ou seja, não pode ter débitos pendentes – como multas por ausência às urnas ou aos trabalhos eleitorais, como o de mesário

O título eleitoral não é o único documento que possibilita a participação nas eleições. O eleitor pode se apresentar à mesa de votação levando consigo qualquer documento oficial com foto, a exemplo da carteira de identidade ou da carteira de habilitação (CNH).

O cidadão cuja inscrição eleitoral estiver em situação regular tem como alternativa ao título de papel a versão digital do documento, o e-Título, que pode ser obtido gratuitamente nas lojas virtuais Apple Store e Google Play.

e-Título serve como documento de identificação do eleitor caso ele já tenha feito o cadastramento biométrico. Isso porque a versão digital será baixada com foto, o que dispensa a apresentação de outro documento no momento do voto.

O local de votação ainda pode ser conhecido no Portal do TSE, A consulta pode ser feita pelo nome do eleitor ou número do título, data de nascimento e nome da mãe.