WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



prefeitura ilheus prefeitura ilheus


(73) 99969-0648
redacao@radiobahiana.com.br

agosto 2022
D S T Q Q S S
« jul    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


:: ‘Bahia’

BAHIA REGISTRA 782 CASOS DE COVID-19 NAS ÚLTIMAS 24 HORAS

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 782 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,05%) e 483 recuperados (+0,03%). Dos 1.553.716 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.521.449 já são considerados recuperados, 2.314 encontram-se ativos e 29.953 tiveram óbito confirmado. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas. Nas últimas 24h, o estado registrou 2 óbitos. Os dados ainda refletem o acúmulo de casos por conta da inoperância dos sistemas do Ministério da Saúde durante quatro dias e podem sofrer alterações. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas. :: LEIA MAIS »

BAHIA: IBGE TREINA AGENTES CENSITÁRIOS

Na Bahia, um total de 1.620 agentes censitários começaram a ser treinados nesta segunda-feira (6) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Eles irão gerenciar e supervisionar a coleta de informações para o Censo Demográfico 2022, que começará a ser feito a partir do dia 1º de agosto.

O treinamento acontecerá até o dia 15 de junho. Os agentes trabalharão em 417 municípios do estado.

Só em Salvador, serão capacitadas 282 pessoas, divididas em 10 turmas que funcionarão em três locais de treinamento. Em todo Brasil, 23.870 pessoas serão treinadas como agentes censitários.

PRODUÇÃO MINERAL BAIANA COMERCIALIZADA CRESCE R$253 MILHÕES EM ABRIL DE 2022

Fotos: Mateus Pereira/GOVBA

A Produção Mineral Baiana Comercializada (PMBC) teve um aumento de R$ 253 milhões em abril de 2022, em comparação a abril do ano anterior, chegando a R$ 780 milhões. No mesmo período, o município baiano de Itagibá se destacou entre os principais municípios com 30% de participação, seguido por Jacobina com 22%. As informações constam no Sumário Mineral divulgado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE).

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, José Nunes, os principais bens minerais exportados de janeiro a abril de 2022 somam US$ 494,4 milhões. Cobre, com US$ 156,8 milhões, seguido por ouro US$ 151,2 milhões e níquel US$ 93,9 milhões. “A mineração baiana tem um forte potencial, gera emprego, movimenta a economia dos municípios, além de ser atividade essencial para o desenvolvimento econômico do Estado”, destaca.

A arrecadação da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM), em abril de 2022, recolheu no estado R$ 2,1 milhões, já os municípios recolheram R$ 8,6 milhões, somente Itagibá somou R$ 2,8 milhões. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), atualmente a Bahia tem em estoque 14 mil empregos formais na extração de minerais metálicos, não metálicos e atividades de apoio (exceto Petróleo e Gás).

Fonte: Ascom/SDE

APÓS SOLITAÇÃO DO PREFEITO MÁRIO ALEXANDRE, ESTADO DISPONIBILIZA CARROS FUMACÊ PARA ILHÉUS

O carro fumacê retorna às ruas de Ilhéus a partir desta terça-feira (7). Após solicitação do prefeito Mário Alexandre, o Governo do Estado disponibilizou nove veículos, que auxiliam no combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika, febre amarela e chikungunya. A passagem do fumacê integra o planejamento da gestão para controlar o avanço das doenças em todo território municipal.

Conforme a Secretaria de Saúde (Sesau), as ações de bloqueio químico espacial de Ultra Baixo Volume (UBV) acoplado ao veículo ocorrerão no período da manhã, às 5h, e no período vespertino, a partir das 16h. A Sesau explica que os carros percorrerão ruas e avenidas da cidade, cujo cronograma será definido mediante alinhamento com a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

O coordenador do setor de Combate às Endemias, Roberto Reis, orienta a população a abrir portas e janelas durante a passagem do carro, contudo, é importante tampar os recipientes que contenham água e alimentos e cobrir bebedouros, aquários, gaiolas e depósitos de água de animais, para melhor eficácia do inseticida dentro do imóvel.

A solicitação foi atendida em momento oportuno, diante do atual cenário do município. Até o dia 27 de maio, Ilhéus já tinha confirmado 38 casos de dengue, 11 de chikungunya e 4 casos de zika.

“Mantemos o sinal de alerta, visto que alguns bairros são mais propícios a ter pontos favoráveis para a proliferação do mosquito. Os agentes de combate às endemias realizam visitas e orientam os moradores, mas é importante que a comunidade faça a sua parte, porque o combate depende da conscientização de todos”, explica André Cezário, titular da Sesau.

O setor de Vigilância Epidemiológica (VIEP) aponta alguns bairros que registraram aumento do número de casos de dengue e estão em situação de alerta: Conquista; Jardim Savoia; São Francisco; Pontal; Jardim Atlântico; Boa Vista; Sapetinga; Malhado; Olivença; Nossa Senhora da Vitória; Banco da Vitória; Cidade Nova; Centro; Barra de Itaípe; Ceplus; Nelson Costa e Salobrinho. :: LEIA MAIS »

CONFIRA AS DATAS DE VENCIMENTO DO IPVA NESTE MÊS DE JUNHO

Foto: Elói Corrêa/GOVBA

A Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz-BA) alerta os contribuintes para as datas de vencimento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) em junho. Os donos de automóveis de placas com finais 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7 e 8 possuem prazos terminando neste mês. Mais informações estão disponíveis no www.sefaz.ba.gov.br, Canal Inspetoria Eletrônica, ou via 0800 071 0071 e faleconosco@sefaz.ba.gov.br.

Os proprietários de veículos com placas de final 7 podem quitar o imposto em cota única com 10% de desconto até o dia 29 e os de placa final 8 até o dia 30, também com o abatimento de 10%. Outra opção é pagar a primeira das cinco cotas do IPVA, sem desconto, nessas mesmas datas.

Parcelamentos de outras placas

Os donos de automóveis com placas 5 e 6 que dividiram o tributo em cinco vezes precisam quitar a segunda cota até 29 e 30 de junho, respectivamente.

Além disso, os proprietários de carros com placas 4 e 3 que parcelaram o imposto precisam pagar a terceira cota até dias 29 e 30 de junho, respectivamente. Por fim, os donos de automóveis de placas 1 e 2 devem quitar a quarta cota até 29 e 30 de junho, também respectivamente.

Como pagar :: LEIA MAIS »

FEIRA CIDADÃ ULTRAPASSA MARCA DE 10 MIL ATENDIMENTOS EM ILHÉUS

Após quatro dias de instabilidade na plataforma e-SUS Notifica e SivepGripe, do Ministério da Saúde, o registro dos casos da Covid-19 no Brasil voltaram a ser divulgados nesta terça-feira (07). Os números não representam o total de casos das últimas 24 horas, eles são fruto do acúmulo de notificações em virtude da falha nos sistemas do Ministério da Saúde.

Na Bahia, nas últimas 96 horas, foram registrados 1.543 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,10%) e 996 recuperados (+0,07%). Dos 1.551.408 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.519.966 já são considerados recuperados, 1.494 encontram-se ativos e 29.948 tiveram óbito confirmado. Nas últimas 24h, o estado registrou 2 óbitos. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

boletim epidemiológico desta terça contabiliza ainda 1.890.627 casos descartados e 336.220 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta terça. Na Bahia, 63.525 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 11.605.204 pessoas vacinadas com a primeira dose, 10.691.252 com a segunda dose ou dose única, 5.925.591 com a dose de reforço e 298.967 com o segundo reforço. Do público de 5 a 11 anos, 954.267 crianças já foram imunizadas com a primeira dose e 507.513 já tomaram também a segunda dose.

Instabilidade

Desde a última sexta-feira (3), uma instabilidade na plataforma e-SUS Notifica e SivepGripe, do Ministério da Saúde, que realiza o registro dos casos ambulatoriais e internações da Covid-19 no Brasil, impossibilitou que a Bahia tivesse acesso aos dados relacionados à Covid.

Diversas tentativas para a extração de dados foram realizadas sem que houvesse sucesso na operação. As equipes de tecnologia da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb), bem como da Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado (Divep) contactaram o Ministério da Saúde, mas o sistema só foi retomado nesta terça. :: LEIA MAIS »

BAHIA REGISTRA 1.543 CASOS DE COVID-19 EM ACUMULADO DE 96 HORAS; 2 ÓBITOS FORAM COMPUTADOS NAS ÚLTIMAS 24H

Após quatro dias de instabilidade na plataforma e-SUS Notifica e SivepGripe, do Ministério da Saúde, o registro dos casos da Covid-19 no Brasil voltaram a ser divulgados nesta terça-feira (07). Os números não representam o total de casos das últimas 24 horas, eles são fruto do acúmulo de notificações em virtude da falha nos sistemas do Ministério da Saúde.

Na Bahia, nas últimas 96 horas, foram registrados 1.543 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,10%) e 996 recuperados (+0,07%). Dos 1.551.408 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.519.966 já são considerados recuperados, 1.494 encontram-se ativos e 29.948 tiveram óbito confirmado. Nas últimas 24h, o estado registrou 2 óbitos. Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

boletim epidemiológico desta terça contabiliza ainda 1.890.627 casos descartados e 336.220 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta terça. Na Bahia, 63.525 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 11.605.204 pessoas vacinadas com a primeira dose, 10.691.252 com a segunda dose ou dose única, 5.925.591 com a dose de reforço e 298.967 com o segundo reforço. Do público de 5 a 11 anos, 954.267 crianças já foram imunizadas com a primeira dose e 507.513 já tomaram também a segunda dose.

Instabilidade

Desde a última sexta-feira (3), uma instabilidade na plataforma e-SUS Notifica e SivepGripe, do Ministério da Saúde, que realiza o registro dos casos ambulatoriais e internações da Covid-19 no Brasil, impossibilitou que a Bahia tivesse acesso aos dados relacionados à Covid.

Diversas tentativas para a extração de dados foram realizadas sem que houvesse sucesso na operação. As equipes de tecnologia da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb), bem como da Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado (Divep) contactaram o Ministério da Saúde, mas o sistema só foi retomado nesta terça.

ILHÉUS JÁ VACINOU MAIS DE 135 MIL PESSOAS COM AS DUAS DOSES CONTRA A COVID-19

Ilhéus tem 135.267 pessoas imunizadas com as duas doses ou dose única contra a Covid-19, de acordo com os dados da Secretaria de Saúde (Sesau). Até o momento, a segunda dose já foi aplicada em 86,94% da população vacinável com idade igual ou acima de 12 anos.

Conforme a Sesau, no período compreendido entre 1º e 31 de maio foram ministradas 13.830 unidades do imunizante, das quais 449 correspondem ao primeiro ciclo (D1) e 954 referem-se ao segundo ciclo (D2), além de 5.778 doses de reforço (terceira dose), aplicação de 5.234 vacinas relativas à 4ª dose e 1.415 doses pediátricas.

Os dados também são divulgados no painel de acompanhamento da cobertura vacinal Covid-19 da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

DOIS PROCURADOS PELA JUSTIÇA SÃO INSERIDOS NO BARALHO DO CRIME

Procurados por organização criminosa e tráfico de drogas, atuantes em Salvador e no município de Simões Filho, na Região Metropolitana (RMS), foram inseridos no Baralho do Crime da Secretaria da Segurança Pública. Os dois novos alvos passam a integrar, nesta terça-feira (6), a lista dos mais procurados da Bahia.

O novo representante da carta ‘Dez de Espadas’ é Pablo Ribeiro de Moura, conhecido como ‘Amarelo’. Ele é investigado pelos crimes de organização criminosa e tráfico de drogas e apontado como o principal líder de um grupo criminoso com atuação nos bairros da Palestina, Valéria, localizados em Salvador, e no município de Simões Filho.

Já Fabio dos Santos Nascimento, o ‘Fabão’ ou ‘Jiboia’, foi inserido na carta ‘Oito de Espadas’ e também é indiciado por organização criminosa. De acordo com a denúncia do Ministério Público da Bahia, Fábio possui o controle do tráfico de drogas em Vila Canária, Castelo Branco e nas localidades Lavrador e Rua do Sossego, na região de Valéria.

Ao reconhecer esses ou outros integrantes da ferramenta, o cidadão pode transmitir informações para as forças policiais por meio do 181 ou através da plataforma on-line do ‘Denuncie Aqui’ encontrada no site: disquedenuncia.com. O sigilo é garantido.

ILHÉUS:CUSTO DA CESTA BÁSICA REDUZ 4,44% NO MÊS DE MAIO

Os 12 produtos alimentares (feijão, arroz, farinha de mandioca, pão, carne, leite, açúcar, banana, óleo, manteiga, tomate e café) e suas respectivas quantidades, passou a custar R$534,01 no mês de maio na cidade de Ilhéus, uma redução de 4,44% comparativamente ao mês anterior.

Dos 12 itens que compõem a cesta básica, quatro reduziram de preço: tomate (-26,89%), banana (-1,39%), carne (-0,96%) e óleo (-0,79%). Em contrapartida, aumentaram de preço os itens: leite (4,41%), feijão (4,14%), café (3,38%), manteiga (2,39%), pão (2,26%), farinha (1,85%), arroz (1,39%) e açúcar (0,23%).

Em maio, o tempo de trabalho despendido para se obter os 12 itens da cesta básica em Ilhéus foi de 104 horas e 47 minutos, um comprometimento de 47,63% do salário mínimo líquido de R$1.121,10 – descontando-se 7,5% de contribuição previdenciária do salário bruto de R$1.212,00. Fonte: Projeto de extensão Acompanhamento de Custo da Cesta Básica.

Por: ACCB/UESC.



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia