Jerbson Moraes em entrevista à Rádio Bahiana

Durante entrevista concedida na manhã desta segunda-feira, 4, ao radialista Adilson Neves, no Programa Na Boca do Povo, na Rádio Bahiana AM 1310, o vereador e Presidente da Câmara de Ilhéus, Jerbson Moraes, declarou que sua gestão como Presidente será diferente de tudo que já foi visto em Ilhéus, será pautada na transparência com a população e muita responsabilidade com o dinheiro público.

De acordo com Jerbson, lidar com recurso público exige muita responsabilidade e conhecimento. “Honestidade no uso das verbas é obrigação de qualquer gestor, mas além de tudo é necessário sabedoria e conhecimento. Empregar o dinheiro de forma correta. Muitos gestores erram por acharem que estão fazendo o correto e aplicam o recurso de forma incorreta, mais na frente faz falta na saúde, na educação e em outros setores”, explicou o presidente.

Jerbson ainda explicou que a Câmara será formada por profissionais responsáveis e técnicos, que tenham credibilidade. “Vamos nos empregar de grandes profissionais, que cooperem com o crescimento de Ilhéus e prezem pela cidade”, declarou o vereador que falou também sobre a importância da imprensa nesse novo momento que a Casa Legislativa vai vivenciar. “Faremos coletivas quinzenais com todos os profissionais de imprensa de Ilhéus para atualizá-los sobre o andamento de projetos e também prestar conta do nosso trabalho. Iremos fortalecer a imprensa ilheense, que tem papel fundamental na nossa cidade”, afirmou.

Questionado sobre os últimos atos realizados pelo ex presidente da Câmara de Vereadores de Ilhéus, Nerival Reis, antes de deixar o cargo, o vereador Jerbson Moraes afirmou que serão anulados. Moraes parabenizou Nerival pela coragem de assumir uma presidência no fim de um mandato, porém declarou que tanto os aditivos como outros atos realizados pelos ex presidentes serão revistos. “Irei anular todas as ações feitas anteriormente que possam cair sob a minha responsabilidade”.

Ao final da entrevista, Moraes agradeceu à parceria e confiança dos demais vereadores da Casa que votaram e ajudaram na sua eleição à presidência. “Irei fazer uma gestão de todos, não somente aos 19 que votaram a favor, mas também dos que não votaram. Ilhéus só tem a ganhar com o nosso trabalho”, finalizou.